Verso do Dia

23 de janeiro de 2015

Templos adventistas não foram atacados no Níger

Pelo menos sete igrejas foram incendiadas
nos ataques praticadas no país em represália
às charges do jornal francês
Niamey, Níger … [ASN] Segundo informações da ANN (agência internacional de notícias da Igreja Adventista) nenhum dos dois templos da denominação oficialmente existentes no país africano foram atingidos nos ataques da semana passada. A violência praticada contra os estabelecimentos cristãos coordenados por missionários brasileiros em Niamey aconteceram durante protestos contra a publicação de charges do profeta Maomé na última edição da revista satírica francesa Charlie Hebdo.
Leia também:
Desde a última sexta-feira (16), mais de 20 igrejas cristãs e não cristãs foram atacadas por manifestantes islâmicos em várias cidades do país no norte da África. Dez pessoas morreram.
Conforme os registros oficiais da sede mundial da Igreja Adventista, há pelo menos 239 membros adventistas no país que é atendido pela Divisão Africana Centro Ocidental com sede em Abidjan, na Costa do Marfim.
De acordo com o site Portas Abertas, o cristianismo chegou ao Níger no século 7 quando cristãos berberes migraram para o sul depois de expulsos do norte da África. Constitucionalmente o Níger é um estado laico, mas a maioria da população professa o islamismo. [Equipe ASN, da Redação]

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente sobre a postagem...