Verso do Dia

3 de outubro de 2014

Feliz Sábado

Olá, Feliz Sábado!
A Bíblia diz que não nem um justo sequer. As residências, as ruas, as escolas, as empresas, as igrejas, estão cheias de pessoas buscando perfeição naquilo que fazem. Em especial, os cristãos vivem esta busca incessante pela justificação. Alguns, infelizmente, já se consideram justos. Por que infelizmente? Primeiro porque como já mencionei a bíblia diz que não há nenhum justo, segundo, os que se consideram justos não têm disposição para buscar a justiça.
É um grande risco achar que conseguiu o limite, a perfeição naquilo que faz. Acredito que apenas Deus é perfeito. Por mais que minhas obras, minhas ações e o que as pessoas vejam em mim possam parecer justiça, apenas Deus conhece o meu coração. Apenas Deus saberá se esta pretensa justiça é ou não orgulho próprio e, em vez de me aproximar cada vez mais do Criador, tem me afastad aos poucos dEle. Um outro conselho encontrado na Palavra de Deus é: "Quem está em pé, cuide que não caia" (1 Coríntios 10:12). Apenas os que estão de pé podem cair. Quem já está no chão não tem como cair. Quem está no fundo do poço não tem como descer mais, já chegou ao fundo, ao limite.
Os que estão caídos ou no fundo podem olhar para cima e encontrar novo sentido para sua jornada, porém, que está, ou acha que está, acima de tudo, está o topo, não tem como olhar ou seguir para além, a única rota a seguir seria o retrocesso, o fracasso, a queda.
Como cristãos precisamos ter muito cuidado ao nos acharmos justos ou santos. O Pr. Amim, nas meditações matinais deste ano (2014) escreveu algo que achei incrível. Ele diz: "O problema da santidade humana é o ponto de Referência". Eu pergunto: Quem ou que tem sido nosso ponto de referência? Você tem focado suas ações em seres humanos falhos como você ou nAquele que não pode errar? (Números 23:19)
João escreveu: "Meus filhinhos, não deixe que ninguém vos engane. Aquele que faz o que é direito é justo, assim como Cristo é justo" (1 João 3:7). Em outras palavras, se você tomar como referência a vida e obra de Jesus conseguirá alcançar a justiça, porque ele é quem justifica o pecador. O pecador justificado sabe que não te justiça própria, mas a justiça de Cristo o preenche e o torna uma nova criatura.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente sobre a postagem...